Projetos Luminotécnicos

Luminotécnica é o estudo da aplicação da iluminação artificial em ambientes internos e externos.

O bom resultado de um projeto depende de vários fatores, como tipo do ambiente, tempo de permanência no ambiente, arquitetura, combinação de luz artificial com luz natural, perfil de quem circula no local e investimento pretendido.

A luz em si é invisível, o que vemos é o objeto iluminado e é exatamente por isso que a luz está diretamente relacionada à cor e à textura que este objeto possui.

 

Projetos eficientes de Iluminação Pública

Uma das principais necessidades de se investir em um projeto de Luminotécnica é eficientizar a iluminação de um ambiente evitando gastos excessivos de energia e acabar com a poluição luminosa, a qual  causa ofuscamento da visão, danos à flora e fauna local e ainda gera desconforto ao se permanecer em um ambiente.

É fundamental saber planejar e utilizar lâmpadas, luminárias e acessórios adequadamente para obter o melhor resultado. A imagem abaixo mostra 4 exemplos de iluminação para ambientes externos:

1ª e 2ª imagem revelam dois sistemas ineficientes, pois há uma grande dispersão da luz, sendo lançada em direção ao céu e consequentemente não está sendo aproveitada;

3ª e 4ª imagem apresentam dois sistemas eficientes, pois a luz é direcionada para baixo, iluminando a área necessária, isto é, onde estão pessoas e os veículos.

Luminotécnica

 

Fatores que devem ser levados em consideração

Temperatura da Cor

Toda lâmpada possui uma determinada temperatura de cor, ou seja, cada modelo de lâmpada emite uma luz com determinada cor. Estas cores foram desenvolvidas de acordo com as cores emitidas pelo sol (luz natural): a luz de tonalidade branca é vista ao meio-dia, enquanto que as luzes de tonalidade amarelada e alaranjada são vistas ao entardecer.

 

Índice de Reprodução de Cores (IRC)

É a capacidade que a fonte luminosa apresenta de reproduzir com fidelidade as cores dos objetos iluminados por ela. O índice poder ser de 0 (zero) a 100 (cem), sendo que quanto menor o valor, pior será a reprodução das cores; e quanto maior o valor, a cor mais se aproxima do real, isto é, como a cor é vista ao estar exposta à luz do Sol.

 

Iluminância e Luminância

Diferenca-entre-iluminancia-e-luminanica

A iluminância indica a quantidade de luz (fluxo luminoso) que incide sobre uma superfície, e a luminância indica a quantidade de luz (fluxo luminoso) que é refletida por uma superfície. A quantidade de iluminância tem como unidade de medida o Lux, que representa 1 (um) Lúmen por metro quadrado.

Todo ambiente apresenta uma determinada quantidade de Iluminância, conforme as atividades desenvolvidas no local. Logo, o projeto luminotécnico deve seguir as Normas da ABNT, que preevêm a iluminância ideal para o local.

20  |  30  |  50  lux:  Ruas públicas e EstacionamentosQuantidade de lux para cada tipo de atividade em áreas de uso contínuo e/ou execução de tarefas simples

  • 50  | 75   | 100 lux:  Ambientes de pouca permanência
  • 100  |  150  |  200 lux:  Depósitos
  • 200  |  300  |  500 lux:  Trabalhos brutos e Auditórios

 

Lâmpadas e Luminárias

Luminaria-Retrofit-LED-alimentada-por-painel-solar

Após conhecer o nível de iluminância para determinada local, é possível realizar o cálculo luminotécnico para saber a quantidade de lâmpadas e luminárias necessárias para uma iluminação ideal. Lembrando que as características físicas do local (comprimento, largura, altura de postes, distância entre postes), cores e texturas das paredes e jardins devem ser levados em conta.

 

Conclusão

O projeto luminotécnico é um trabalho específico que exige muita dedicação e detalhamento. Para realizar um bom projeto de iluminação a IlumiSUL tem a expertise necessária de conceitos luminotécnicos, lâmpadas, luminárias e tem a sensibilidade quanto aos aspectos psicológicos gerados pela luz nas pessoas.

Luzes-da-cidade-de-Nova-Iguaçu---Foto-Alziro-Xavier